Direcional, um marco (Depoimentos)

Escrito por 

A edição inicial da revista Direcional Condomínios foi apresentada ao mercado em 1997, com o número zero, com a ideia de colher sugestões tanto de anunciantes quanto de leitores e colaboradores, de forma a aprimorar seu projeto, que viria a ser oficialmente lançado em princípios de 1998.

Nos primeiros meses, a revista circulou com o nome de “Perfil Condomínios”, mas mudou para “Direcional” por questões de registro de marca, lembra a diretora e fundadora, Sônia Inakake. A alteração veio a calhar: “Ela foi absorvida pelos anunciantes e leitores, pois um nome conta uma história. Em nosso caso, ele já dizia a quem se destinava, é uma mídia direcionada”. Atualmente, a revista se destaca no segmento por sua credibilidade junto aos síndicos, profissionais da área e anunciantes, conforme mostram os depoimentos a seguir.

- Sônia Inakake (Fundadora e sócia da Direcional Condomínios)

“A consolidação da Direcional Condomínios se deve a vários fatores: Seriedade na tiragem, desde a 1a edição; distribuição dirigida; matérias exclusivas de interesse dos leitores; e compromisso com a qualidade gráfica e editorial. Sempre fomos bons ouvintes das necessidades do mercado, sempre estivemos atentos aos seus lançamentos. Assim, dentro dos assuntos que reiteradamente interessam aos condomínios, procuramos um enfoque diferenciado a cada edição, resultando em um produto editorial bem sintonizado a esse mercado vivo, pujante. E como a tendência natural das editoras é realizar eventos, passamos a promover encontros em formatos diversos, reunindo públicos que vão de dez a 600 síndicos. Neste mês de fevereiro, por exemplo, estamos realizando a 7ª edição do Encontro das Síndicas, uma homenagem que prestamos ao Dia Internacional da Mulher. Outro evento que se firmará em nossa agenda anual é o Encontro em Homenagem ao Dia do Síndico, comemorado em 30 de novembro. Costumamos ainda homenagear outros protagonistas importantes da vida do condomínio, como os zeladores, tema da pauta de administração desta edição, pois 11 de fevereiro é sua data comemorativa.

Ou seja, a Direcional Condomínios tem um lado de prestação de serviços feito com amor e carinho a todo esse público. A revista é distribuída gratuitamente, sua receita provém da venda de espaços publicitários, além de encartes físicos e venda de anúncios no site, que hoje conta com 52 mil acessos orgânicos por mês. Quando iniciamos esse projeto não havia internet nos moldes que conhecemos hoje. Passamos pela euforia do estouro da ferramenta, mas o mercado entendeu que a revista impressa tem vida própria e importância estratégica na divulgação de suas marcas junto aos síndicos e demais compradores do segmento.

A diretoria do Grupo Direcional, empresa que edita a revista, é composta por mim, fundadora, e meu sócio, marido e parceiro, Almir Cândido de Almeida, que cuida da parte administrativa. A nossa equipe se divide em quatro departamentos: distribuição, administração, editorial e comercial. Assim chegamos aos 20 anos, justamente na edição 220. Coincidência? Não, não existe nada por acaso. Tudo é fruto de muito trabalho e dedicação.”

- Nilton Savieto (Síndico profissional)

“Acompanho há muitos anos a Direcional, é uma de minhas referências quando preciso de orçamento [de produtos e serviços para o condomínio]. E também há a leitura, para o que dou sempre prioridade. A Direcional cresceu muito, vem de encontro às necessidades do síndico, do que e de como ele precisa fazer, evoluindo na frente, ou seja, o que a gente precisa ver para os próximos anos. É uma das revistas que mais ajuda o síndico no seu dia a dia.”

 

- Rubens Carmo Elias Filho (Presidente da AABIC - Associação das Administradoras de Bens Imóveis e Condomínios de São Paulo)

“Com as mudanças estruturais dos condomínios, que estão cada vez com mais torres e espaços comuns, além de uma série de exigências e adaptações com a atualização das leis, a gestão de condomínio se transformou e hoje se exige um perfil atualizado e preparado. É preciso ter conhecimento legislativo, administrativo e de recursos humanos e as pessoas que assumem cargo de gestão nos condomínios tendem a se especializar. Neste contexto, o auxílio das administradoras de condomínio é essencial. E a Direcional Condomínios é referência no segmento imobiliário e há 20 anos vem abordando temas relevantes aos síndicos, ajudando-os na realização de seu trabalho.”

- Profa. Rosely Schwartz (Coordenadora de cursos de gestão de condomínios e formação de síndicos)

“Como atuo nesse mercado, sendo pesquisadora desde 1994 e docente desde 1999, pude acompanhar bem de perto uma grande evolução. Administrar condomínios hoje, no papel de síndico ou de administradora, demanda cada vez mais tempo e capacitação. Além das exigências legais, em que os condomínios são equiparados a empresas, há maior cobrança dos condôminos por transparência na forma de administrar. Outros fatos importantes ocorreram nos últimos anos, como o crescimento da atividade de ‘síndico profissional’ em substituição ao morador; e a troca do zelador pelo gerente predial, não residente. Todo esse desafio tem sido acompanhado por grandes oportunidades de negócios e desenvolvimento pessoal. Surgiram várias empresas especializadas em atender às demandas dos condomínios, em produtos, reformas, manutenção, software, terceirização de mão de obra e segurança. Até os mesmo os bancos desenvolveram produtos especiais ao segmento. A revista Direcional tem acompanhado toda essa evolução, trazendo a cada mês matérias de interesse e importância para os envolvidos no mercado, com conteúdo claro e precioso. Além disso, possibilita aos gestores consultar e solicitar orçamentos às empresas mais qualificadas do setor. O trabalho da revista em consonância com o site proporciona todo dinamismo necessário e exigido pelo mercado. Outro ponto positivo da revista é realizar eventos, proporcionando-nos encontros memoráveis.”

- Cristiano De Souza (Advogado, consultor jurídico e mediador)

“O crescimento dos condomínios nestas últimas décadas levou a um amadurecimento do setor, com seu reconhecimento e regulamentação por parte dos órgãos governamentais. O próprio Poder Judiciário iniciou um processo de reconhecimento do Direito Condominial, que não mais se relaciona apenas à cobrança das taxas de rateio, mas também à responsabilidade, direitos e deveres dos condôminos, entre outros. Ao síndico, estes 20 anos significaram conhecimento, preparo e tecnicidade, saindo de cena o indivíduo aposentado ou desempregado, que apenas se ocupava com a função, e entrando a do síndico profissional, ou mesmo orgânico, mas com conhecimento adequado aos desafios de se administrar uma coletividade tão complexa quanto a que vivemos nas ruas. Com responsabilidade na informação, a Direcional Condomínios traz ao seu público o que é necessário na hora certa. Sua importância faz com que os síndicos tenham confiança nas informações, sedimentando boas práticas e ideias na administração do condomínio.”

- Sérgio Meira (Engenheiro, administrador de condomínios e diretor do SECOVI-SP)

“Para o síndico de um condomínio, que precisa se orientar e pegar informações de quem está no mercado, não existe fonte mais fiel e de bons fornecedores do que procurar as revistas do segmento. A Direcional, assim como a revista do Secovi-SP, enxergaram esse nicho de mercado e criaram uma facilidade enorme para o síndico, que consegue fazer uma cotação rápida, com três ou quatro empresas, porque tem tudo mastigado, com vários fornecedores do mesmo segmento.”

 

Matéria publicada na edição - 220 de fev/2017 da Revista Direcional Condomínios

Não reproduza o conteúdo sem autorização do Grupo Direcional. Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.