A rotina do zelador, exemplos de atividades

Escrito por 

Fonte: Carlos Alberto dos Santos

DIÁRIAS

- Uso de EPIs pelos funcionários: Exigir e monitorar. Obrigatoriedade determinada pela NR 06, Norma Regulamentadora do Ministério do Trabalho. A falta de uso pode gerar riscos à saúde do trabalhador e passivos trabalhistas ao condomínio;

- Nas portarias, halls internos e escadarias: Verificar quadro de chaves, funcionamento dos monitores do sistema de CFTV e dos interfones. Observar ainda caixas de hidrantes (mangueiras, chaves e bicos), eventuais vazamentos e funcionamento das luzes de emergência. Cuidados garantem a operação diária do condomínio;

SEMANAIS

- Na garagem: Inspeção visual. Verificação assegura o bom uso e a segurança do ambiente;

- Portão automático: Inspeção e teste. Porém, o funcionamento deverá ser conferido diariamente, além de ser feita manutenção preventiva mensal;

QUINZENAIS

- Bomba de Incêndio: Teste de funcionamento. O sistema é regulado pela IT 22, Instrução Técnica do Corpo de Bombeiros de São Paulo. Seu não funcionamento poderá gerar perda de indenização da seguradora em caso de sinistro e comprometer renovação do AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros);

- Câmeras, sensores, cerca elétrica etc.: Inspeção visual, com vistas a garantir a efetividade do sistema de segurança;

- Elevadores, seus equipamentos e quadro elétrico, assim como os registros hidráulicos e boias dos reservatórios: Inspeção visual, de forma a detectar eventuais anomalias; MENSAIS

- Bomba de Incêndio: Manutenção, conforme motivos expostos no tópico anterior;

- Fachada: Inspeção visual, com o objetivo de identificar eventuais fissuras e infiltrações;

TRIMESTRAIS / SEMESTRAIS

- Calhas: Limpeza geral trimestral para combater o acúmulo de detritos e folhas, evitando problemas na canalização da rede pluvial;

- Controle de Pragas: Contratar desinsetização e/ou desratização, a fim de evitar proliferação de insetos e roedores, incômodos aos usuários e riscos de doenças;

ANUAIS

- Brigada de Incêndio: Treinamento prático e atestado, segundo obrigatoriedade da NR 23 e IT 17 (Corpo de Bombeiros de SP);

- Rede de gás: Ao longo do ano devem ser feitas inspeção visual e teste de estanqueidade. A manutenção deverá ser anual. O objetivo é prover a segurança dos moradores e funcionários, evitar perdas na indenização do seguro em caso de sinistro e riscos à renovação do AVCB;

BIANUAIS

- Limpeza de caixa de esgoto/gordura: Providenciar para evitar riscos de entupimento;

- Laudo de instalação elétrica: Providenciar, conforme NR 10 do Ministério do Trabalho.

Matéria publicada na edição - 220 de fev/2017 da Revista Direcional Condomínios

Não reproduza o conteúdo sem autorização do Grupo Direcional. Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.