Manutenção dos elevadores do condomínio: Ações mais importantes & periodicidade

Escrito por 

Ausência de informações e desconhecimento acabam comprometendo, “muitas vezes”, a possibilidade de o condomínio acompanhar e medir os serviços de uma empresa de manutenção de elevadores, aponta o engenheiro Antonio Luiz Caldeira.

“Em um elevador há diversos itens a serem verificados periodicamente e, para que todos eles possam ser checados de modo a garantir um bom funcionamento e a durabilidade do equipamento, algumas empresas criam um plano anual de manutenção preventiva, permitindo um melhor acompanhamento dos serviços”, explica. A seguir, ele propõe um escopo mínimo de ações, distribuídas ao longo do ano, para cada setor do equipamento.

Legendas: M (Mensal); B (Bimestral); T (Trimestral); Q (Quadrimestral); S (Semestral)

TABELA SUGESTIVA – MANUTENÇÃO PREVENTIVA DE ELEVADORES*

AÇÕES CABINA M B T Q S
Testar Intercomunicador ou alarme x        
Verificar Comando cabineiro, ventilador, banqueta       x  
Testar Botões de chamada, indicadores, setas   x      
AÇÕES PAVIMENTO M B T Q S
Testar Chamadas, indicadores e setas     x    
Testar Fechadores/ Ditadores (em todos os andares)   x      
AÇÕES CASA DE MÁQUINAS M B T Q S
Testar Chamadas, indicadores e setas       x  
Testar Fechadores/ Ditadores (em todos os andares)   x      
AÇÕES MÁQUINA DE TRAÇÃO M B T Q S
Ajustar Chamadas, indicadores e setas x        
Verificar Nível de óleo, vazamento       x  
Verificar Folga de cabos, desgaste, altura de cabos na polia         x
AÇÕES LIMITADOR DE VELOCIDADE M B T Q S
Limpar Todo o Equipamento, Incluindo Canal da Polia     x    
Testar Contato elétrico     x    
AÇÕES SOBRE A CABINA M B T Q S
Testar Comando sobe-desce
(acesso e viagem no topo da cabine)
x        
Lubrificar Guias de cabina e contrapeso
(quando aplicável)
x        
Verificar Equalização dos Cabos de Tração         x
AÇÕES OPERADOR DE PORTA M B T Q S
Testar Comando sobe-desce
(acesso e viagem no topo da cabine)
x        
Lubrificar Roldanas e Articulações       x  
Verificar Recolhimento Porta, Arraste, Rampa       x  
AÇÕES PORTA DE PAVIMENTO M B T Q S
Testar Forçar abertura para verificar
travamento e contato elétrico
x        
Lubrificar Barras de porta, suspensão de porta       x  
Verificar Roldanas, roletes, livre movimentação       x  
AÇÕES POÇO M B T Q S
Testar Chave de proteção acesso ao poço x        
Verificar Distância do contrapeso ao para-choque (deslize)       x  
Verificar Nível do óleo do para-choque e vazamentos       x  
AÇÕES GERAL M B T Q S
Padrão Colocação e retirada das placas de MPP
(Placa de Manutenção Programada)
x        
*OBSERVAÇÃO: As tabelas são meramente ilustrativas. Não estão previstos aqui todos os itens que devem ser revisados em um Plano de Manutenção Preventiva.

 

O engenheiro ressalta que, com a tabela em mãos, apresentada pela prestadora de serviços ao seu cliente, o síndico terá condições de assegurar o acompanhamento dos serviços realizados pelo técnico da manutenção. Conforme destaca a Profa. Rosely de Oliveira Schwartz, essa tarefa compete, preferencialmente, ao zelador, que deve ser bem orientado pelo gestor do prédio.

Matéria publicada na edição - 227 de setembro/2017 da Revista Direcional Condomínios

Não reproduza o conteúdo sem autorização do Grupo Direcional. Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.