Sistema inteligente & Equipamentos de segurança no condomínio

Escrito por 

As portarias dos condomínios estão se transformando em grandes centrais de operação, conforme as instalações de segurança sejam modernizadas pelos síndicos.

síndico Marcus Vinícius
Abrantes

O síndico Marcus Vinícius Abrantes em frente à nova guarita blindada: Pacote de modernização na segurança incluiu também o reforço (no CFTV, monitores etc.) ou a troca de equipamentos (como os 4 novos motores dos portões e fotocélulas)

Esses processos incluem um pacote de intervenções: Obras físicas, novos gradis e implantação, atualização e/ ou reforço de equipamentos. Depois de um ano em que a reportagem da Direcional Condomínios visitou o condomínio onde mora o síndico orgânico e arquiteto Marcus Vinícius Abrantes, o residencial já está operando o controle de acesso com a nova guarita, blindada e dotada das funcionalidades necessárias para que o porteiro não precise sair do ambiente durante o trabalho (ar condicionado, banheiro, filtro de água, micro-ondas). Foi construída uma eclusa com separação de moradores e prestadores de serviços, passa objetos e sistema de intertravamento.

A modernização da segurança no condomínio localizado na Vila Nova Conceição, área nobre da região Centro-Sul de São Paulo, incluiu investimentos na proteção perimetral (com alarmes, sistema IVA na frente do terreno com sensor infravermelho e cerca elétrica nos fundos – a ser instalada), no CFTV (com aquisição de 32 câmeras IP), troca de dois DVR (dispositivos de armazenamento de dados), compra de novos monitores para a guarita, intercomunicador e substituição de 4 motores dos portões das garagens, além das fotocélulas. “Os motores e as fotocélulas tinham, respectivamente, 12 e 10 anos, eram precários e demandavam um upgrade, especialmente no tempo de abertura dos portões externos da clausura”, afirma. Segundo Marcus Vinícius, o perfil da segurança mudou radicalmente com as novas instalações. “Tínhamos um padrão anos 80, em que o ‘controle de acesso’ era o porteiro sair de seu posto e abrir o portão para o visitante”, compara. O próximo investimento será o treinamento dos funcionários em torno desse novo conceito de portaria, afirma. O síndico também integrou o condomínio ao programa Vizinhança Solidária da região.

Condomínio Jardins de Geneve

Condomínio no Jabaquara também promove mudança radical - O Condomínio Jardins de Geneve, residencial de duas torres e 148 unidades, localizado no Jabaquara, zona Sul de São Paulo, passa por amplo processo de modernização de suas instalações desde o biênio 2016-2017. Na época, foi promovida a impermeabilização de toda área térrea, com troca de piso, repaginação nos acessos de pedestres e veículos, além da revitalização do padrão de fechamento perimetral (com muro de vidro e novos portões nas garagens). A área de pedestres ganhou eclusa com ambiente de espera (foto no alto), intercomunicador, biometria e guarita blindada (foto acima, com o porteiro José Francisco Amarante Filho). Houve preocupação com a acessibilidade (piso em nível com a calçada no portão da rua e instalação de elevador interno). O condomínio adquiriu ainda 64 câmeras digitais para o CFTV e trocou os interfones.

Já para os acessos à garagem, os portões (foto no alto) foram trocados. Após essas intervenções, o corpo diretivo mapeou, em princípios de 2018, 32 novas demandas de serviços e obras para serem executadas até março de 2023, afirmam o síndico André Giffoni Albuquerque e o conselheiro Feliciano Amaral Souza, coordenador da Comissão de Obras. Vinte delas já foram executadas.


Matéria publicada na edição - 261 - outubro/2020 da Revista Direcional Condomínios

Não reproduza o conteúdo sem autorização do Grupo Direcional. Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.