Terça, 17 Setembro 2019 00:00

Compartimentação e selagem corta-fogo são medidas fundamentais para evitar tragédias em edificações

Por

Estes recursos de segurança, entre outros, ajudam a reter e a concentrar a fumaça no local de início do incêndio, e fazem parte de campanhas constantes do Ibape-SP.

Os engenheiros especialistas do Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia de São Paulo (Ibape-SP) são categóricos ao afirmar que a compartimentação e a selagem corta-fogo atuam de forma precisa no sentido de evitar e/ou minimizar mortes em casos de incêndios. Além de levantar a bandeira da prevenção de maneira constante, o órgão acaba de realizar um evento em parceria com o Corpo de Bombeiros de São Paulo, onde estes aspectos foram amplamente discutidos. Segundo o presidente do Ibape-SP, Eng. Antonio Carlos Dolácio, difusão da informação técnica constitui ferramenta eficaz na prevenção dos acidentes prediais.

Na ocasião do evento, Rogério Lin, diretor-presidente da Associação Brasileira de Proteção Passiva Contra Incêndio (ABPP), ressaltou a regulamentação que, geralmente, não recebe a atenção devida. "Existe hoje uma norma que é a ABNT NBR 16.651, que trata de proteção contra incêndio em edifícios hospitalares. Isso precisa ser observado pois só o cumprimento das regras pode evitar ou minimizar tragédias", explicou.

Em outra apresentação recente, realizada na sede do Ibape-SP, Camila Guello, firestop specialist da Hilti do Brasil, enfatizou a importância da compartimentação e selagem para prevenção e combate ao incêndio: "De modo geral o que a compartimentação faz é com que a fumaça fique concentrada no local onde ela se iniciou. A fumaça e o fogo não vão se espalhar. Isso é fundamental em ambientes como hospitais, por exemplo, porque você não tem o tempo de escape das pessoas como se fosse uma edificação comercial ou residencial em que as pessoas conseguem sair rapidamente pela rota de fuga."

O Ibape/SP lançou, inclusive, uma atualização da Cartilha de Prevenção e Combate ao Incêndio no seminário "Vistoria em Sistema de Proteção e Combate a Incêndio", realizado em agosto. O material traz orientações e cuidados para todos os tipos de imóveis e é um importante guia para proprietários, moradores, profissionais técnicos e administradores de condomínios.