Coluna Ricardo Karpat
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Nem sempre um funcionário destacado para determinada função está preparado para realizar a atividade no condomínio. Acredito que os três pontos abaixo contribuem para orientar e delimitar bem os serviços de um funcionário. Eles devem servir de baliza para que os síndicos, juntamente com o gerente predial ou zelador, administrem a mão de obra do condomínio.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, uma das principais causas, talvez a principal, de incêndio em condomínios é algum tipo de falha elétrica como sobrecarga, curto-circuito, instalação inadequada ou falha na manutenção da rede elétrica e dos equipamentos.

O zelador ou gerente predial, presente na maior parte dos condomínios, é o principal colaborador do síndico. Ele sabe de tudo, conhece como ninguém todos os cantos do prédio e as pessoas que orbitam em volta dele: moradores, familiares, empregados, prestadores de serviços, entre tantos outros. É ele que conserta as coisas, "dá um jeito" aqui, quebra um galho ali.