Sexta, 26 Julho 2019 00:00

Três condições para o funcionário do condomínio realizar bem o seu trabalho

Escrito por 

Nem sempre um funcionário destacado para determinada função está preparado para realizar a atividade no condomínio. Acredito que os três pontos abaixo contribuem para orientar e delimitar bem os serviços de um funcionário. Eles devem servir de baliza para que os síndicos, juntamente com o gerente predial ou zelador, administrem a mão de obra do condomínio.

O exemplo utilizado é o da limpeza da piscina.

- Capacitação

O funcionário precisa estar capacitado para realizar a limpeza. Ele foi treinado adequadamente para isso? Alguém devidamente capacitado mostrou e ensinou como limpar a água e aplicar os produtos corretos, na dosagem certa? 

- Suporte em equipamentos e insumos

O funcionário deve dispor de todos os equipamentos e insumos para isso, como aspirador em ordem, produtos químicos em quantidade suficiente, utensílios de limpeza. Além disso, deve ter os EPIs adequados e saber usá-los.

- Delimitando um tempo para a atividade

No caso da piscina, a tarefa é quase que diária e requer tempo. Não se executa em cinco minutos, esse tempo precisa ser combinado com o zelador ou gerente predial.

O chefe do funcionário da limpeza da piscina deve se certificar que este dispõe das três condições apresentadas acima.

Se faltar uma ou até duas, o serviço fica “pela metade” e compromete a qualidade, a segurança e os custos. Retrabalhos são onerosos para o condomínio.

Depois da execução do serviço, o chefe pode e deve fazer um “follow up”. Ou seja, dizer se o serviço foi bem feito; se foram empregados os insumos e equipamentos adequadamente; se o tempo previsto fui cumprido. E, claro, elogiar em caso de atendimento a todos esses quesitos. Se faltou algo, deve pedir para corrigir.

Essa conduta também vale para trabalhos que um síndico pede para o zelador. O zelador deve ser capacitado, ter as ferramentas que precisa e de tempo hábil para executar suas tarefas. Sem isso o resultado fica comprometido e o condomínio só perde.


Não reproduza o conteúdo sem autorização do Grupo Direcional. Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.


Wolfram Werther

Síndico e consultor condominial, Wolfram Werther é administrador de empresas. Atua como síndico orgânico no Condomínio Cristall Parque da Aclimação, em São Paulo (SP). Mais informações: wolfram.werther@ig.com.br.